FEAPAES

Chapa "APAE: Empresa de Amor ao Próximo"

Membros da Chapa

 

Presidente: Marco Aurélio Ubiali (Membro do Conselho Consultivo APAE de Franca)

Vice-Presidente: Celso Roberto Pegorin (Membro do Conselho Consultivo APAE de Dois Córregos)

1° Diretor (a) Financeiro (a): Marcelo Cezar Luciano Vieira (Presidente da APAE de Pitangueiras)

2° Diretor (a) Financeiro (a): Carlos Alberto Galante (Presidente APAE de Casa Branca)

1° Diretor (a) Secretário (a): Karla Cardoso de Almeida Zamperline (Presidente APAE de Cajobi)

2° Diretor (a) Secretario (a): Alex Rodrigues Paixão (Presidente APAE de Bragança Paulista)

Diretor (a) Social: Sergio José (Presidente APAE de Araraquara)

Diretor (a) Patrimônio: Valter Luiz Doimo (Vice-Presidente APAE de José Bonifácio)

1° Conselheiro (a) Fiscal: Nereu Paschoalli Júnior (Presidente da APAE de Monte Aprazível)

2° Conselheiro (a) Fiscal: Adilson Ricoldi (Vice-Presidente da APAE de Cravinhos)

3° Conselheiro (a) Fiscal: Eduardo Altomani (Presidente APAE de Águas de Lindóia)

1° Conselheiro (a) Suplente: Cassia Maria dos Santos Prior Manieri (Presidente da APAE de Ribeirão Bonito)

2° Conselheiro (a) Suplente: Antônio Luís Fornazin (Presidente da APAE de Leme)

3° Conselheiro (a) Suplente: Marcos Aurélio Arantes Lavoura (Presidente da APAE de Iguape)

Procurador Jurídico: Ricardo André Barros De Morais (Vice-Presidente APAE Diadema)

Diretor de Relações Institucionais e Parcerias: José Antônio  Russo (Presidente da  APAE Poloni)
 
Diretor de Desenvolvimento: Carlos Alberto Senna (Presidente APAE Terra Roxa)
 
Diretor De Captação de Recursos: Carlos José da Silva (Presidente APAE Itariri)

Carta Aberta às APAEs

 

     No dia 8 de outubro teremos eleição na nossa Federação. Como indica o estatuto, foram apresentadas duas chapas, uma pela Diretoria atual e a nossa chapa, que denominamos “APAE: Empresa de Amor ao Próximo”, montada com pessoas experientes, presidentes, vice-presidentes e diretores de APAEs.
     Sabemos que a escolha do local e da data para essa eleição, feita pela Diretoria atual de maneira unilateral, monocrática e sem nos consultar, não é a ideal e não beneficiará o processo democrático. Será uma quinta-feira em Bauru, um local que, apesar de geograficamente ser o centro do Estado, é de difícil acesso, especialmente por transporte coletivo aéreo e terrestre.
     Nossa proposta era, como permite a nova lei, fazer a eleição via voto secreto pelo correio, mas isso se quer foi considerado.      Agora, para garantir a democracia no movimento APAEano e assegurar que a vontade da maioria prevalecerá, peço um esforço extraordinário da sua parte para que esteja presente ou se faça representado por um procurador da sua Diretoria. Será uma eleição importante e o seu voto fundamental, para merecê-lo, comento um pouco sobre a minha história e nossas ideias para a FEAPAES.
     Eu tenho 43 anos de APAE, iniciei como médico contratado, me tornei médico voluntário e depois Presidente da APAE de Franca. Fui diretor da Federação Nacional das APAEs duas vezes e Presidente da Federação Estadual (FEAPAES) três vezes. 
A primeira vez que fui eleito Presidente da FEAPAEs foi em 1997. Quando assumi a Federação tinha uma dívida de aproximadamente 240 mil reais, mas ao término deste mandato havíamos pagado a dívida e deixado recursos em caixa para a compra de uma sede própria, o que acabou não ocorrendo.
     Anos depois assumi novamente a FEAPAEs como presidente, era 2008 e encontrei uma situação muito mais complexa. Tínhamos um movimento desunido, uma FEAPAEs enfraquecida com apenas 3 funcionários e 2 milhões em dívidas e multas. Foram seis anos de trabalho árduo, mas conseguimos transformar a FEAPAEs. Entreguei para a Dra. Cristiany, indicada por mim como minha sucessora, uma Federação com as dívidas equacionadas, quase 30 funcionários, Programa de Qualidade ISO 9000, Sistema Argus, cursos de aprimoramento, Ouvidoria e novamente dinheiro em caixa suficiente para comprar a sede própria.
     Era o início de uma nova FEAPAEs, de um movimento unido e de um modelo de gestão profissional que hoje todos têm orgulho em dizer que querem continuar. E é pela certeza de que vamos não apenas continuar o trabalho que começamos em 2008, mas ampliá-lo, é que resolvi me candidatar de novo.
De 2008 a 2020 queríamos uma FEAPAES forte, agora é um novo momento, temos que olhar para frente e usar essa força da FEAPAES para que todas as APAEs, inclusive as pequenas, fiquem ainda melhores, pois um Movimento só é forte de verdade quando todos os seus membros o são.
     A FEAPAES precisa ser dinâmica, democrática e empreendedora. Temos que usar o conhecimento da FEAPAEs, sua experiência e legitimidade para ajudar as APAEs a captarem os seus próprios recursos, seja apoiando em convênios, projetos, eventos ou até desenvolvendo parceiros locais para essas APAEs. 
Precisamos de um FEAPAES moderna, que entre de vez na era digital com reuniões virtuais para participação ativa das APAEs nas decisões e transparência total. Iremos criar uma Sala de Soluções, que ajudará as APAEs em todas as suas dúvidas, de maneira rápida e digital. Além disso, acreditamos na importância de desenvolver parcerios estratégicas, como eu consegui no passado trazendo o Valecap, mas agora expandindo para grandes empresas e institutos, que queiram apoiar não apenas a FEAPAES, mas também as APAEs, criando assim um futuro sustentável para a Federação e para as APAEs.
     Se gostou das nossas ideias, veja abaixo nossas propostas em detalhe, meu currículo completo e a lista verdadeira de membros da nossa chapa, uma chapa formada por gente muito séria, honesta, comprometida, transparente e com história.

     

     Muito obrigado, conte comigo sempre, pois juntos somos mais fortes.
     Dr. Ubiali

Eixos do Programa e Propostas

 

CHAPA – “APAE EMPRESA DE AMOR AO PRÓXIMO”

 

PROGRAMA DE AÇÃO PARA A FEAPAES –SP 2021 / 2023

 

              Nossa chapa é composta por pessoas experientes, presidentes, vice-presidentes e diretores em mandato com história no movimento APAEano, que sempre colocaram seus próprios nomes e patrimônio para assumir os riscos das funções à frente da FENAPAEs, FEAPAEs e APAES.

              Pessoas que são pais, mães, familiares de pessoas com deficiência e administradores experientes que conhecem o dia a dia de uma APAE, suas lutas e desafios. Um grupo com a visão do nosso público final contribuirá para que a FEAPAES possa continuar sendo assertiva em sua missão.

              Assim, conhecendo as necessidades e as dificuldades das APAEs e também como idealizadores e executores iniciais da maioria dos programas hoje existentes na FEAPAEs, pretendemos dar continuidade e aprimorar os trabalhos em andamento. Além de empreender esforços novos e renovados para auxiliar as APAEs diante das dificuldades que certamente virão após a pandemia. 

              Objetivamos manter e aprimorar todos os programas e parcerias existentes hoje na FEAPAEs, dentre eles destacando-se:

  • Parceria com o Valecap beneficiando as APAES de todo estado.

  • Sistema de Qualidade ISO 9001 na FEAPAEs, estendo as APAEs do Estado.

  • Programa APAE Excelência

  • Projeto de tecnologia - ARGUS.

  • Cursos de treinamento e formação presenciais e on line.

             

A seguir apresentamos os eixos que nortearão e complementarão nosso trabalho:

 

A: CAPTAÇÃO DE RECURSOS: Na busca da Sustentabilidade.

  1. Organizar e executar campanhas de arrecadação de doações para as APAES. Essa iniciativa visa arrecadar doações destinadas às APAES por meio de articulação entre as APAEs e as empresas e pela demonstração do grande impacto social do atendimento das APAEs na comunidade. Isso será feito com a introdução de doações por uma plataforma de financiamento coletivo. Esse movimento deve ser imediatamente implantado pela necessidade de chamar a atenção para os grandes desafios enfrentados pelas APAEs que, nesse cenário de pandemia, têm convivido com sérias dificuldades sociais e financeiras. Além disso, é fundamental informar a população e as empresas que as APAEs são um braço importante de atuação junto a comunidade de pessoas com deficiência, contribuindo para que políticas públicas e iniciativas sociais cheguem em áreas e pessoas onde o Estado muitas vezes não se faz presente. As APAEs são conhecidas pelas experiências transformadoras proporcionadas a partir de projetos desenvolvidos com currículos e atividades individuais para cada atendido.

  2. Estabelecer parcerias com o “Instituto SICOOB”, “Instituto Clima e Sociedade (ICS)” e com o “Instituto Humanize” para participar da plataforma Grantmaking a fim de fortalecer as APAEs. A prática de Grantmaking não pode ser confundida com simples doação; ela é uma das tendências do terceiro setor no Brasil praticada pelas organizações da sociedade civil e pelas empresas que financiam projetos sociais já existentes em vez de criar novos e executá-los por conta própria.

  3. Fortalecer o departamento de captação de recursos com atuação direta nas APAEs buscando formas inovadoras e diferentes de captar recursos e elaborar projetos. O desconforto gerado pela COVID-19 fez com que todas as organizações mudassem sua forma de trabalho, adaptando-se à tecnologia, aprendendo e colocando em prática novos projetos visando à sustentabilidade. Para contribuir com a adaptação a essa nova realidade, serão realizadas oficinas a fim de mostrar quais são os processos que contribuem para a estruturação, organização e dinâmica do dia da captação de recursos.

  4. Orientar e planejar a captação de recursos locais e regionais para cada APAE por meio de avaliação da situação na cidade e na região de cada APAE e acompanhamentos das primeiras vivências de situações de captação de recursos, o lançamento de campanhas e a formação de parcerias motivando verdadeiramente o público e conseguindo o resultado financeiro programado para os eventos da APAE.

  5. Ajudar as APAEs na elaboração de projetos para as PRONAS/PCD (Programa Nacional de Apoio à Atenção da Saúde da Pessoa com Deficiência).

    1. Como elaborar projeto, seu acompanhamento, execução e prestação de contas. Por se tratar de um processo muito longo, muitas APAEs desistem de executar.

    2. Acompanhar e revisar cada projeto da APAE aumentando suas chances de aprovação.

    3. Acompanhar como responder as diligências e questões do formulário do projeto bem como fazer um orçamento irrefutável.

 

B: COMUNICAÇÃO E MARKETING: No Fortalecimento da Marca.

  1. Storytelling - Promover e ensinar sobre a utilização de storytelling nas práticas de comunicação e captação de recursos para as APAEs, pois essa ferramenta auxilia iniciativas e conquista adeptos para a captação de recursos. Na APAE, o storytelling pode ser aplicado de maneiras múltiplas, criativas e baratas, trabalhando a partir de histórias da marca e de seus stakeholders conduzindo as pessoas à acreditarem nas ações da APAE.

  2. Treinar e preparar as APAEs para o uso do Google Grants. Esta ferramenta existe faz tempo, porém o seu uso pelas APAES é nenhum ou insuficiente, pois faltam profissionais capacitados para operá-la e trazer resultados reais. Esta ferramenta permite recrutar mais voluntários e atrairá mais doações ao compartilhar sua história com públicos do mundo todo.

 

C: GESTÃO: Capacitação, fortalecimento e representatividade.

 

  1. Agregar valor na gestão das APAES no assessoramento direto:

    1. Contabilidade por projetos

    2. Prestação de contas

    3. Administração de RH especializada em Departamento Pessoal

    4. Gestão de voluntários e terceirizados

    5. Controle da regularidade fiscal, certidões e retenções fiscais

  2. Propor e articular junto a demais organizações do Terceiro setor e Poder público, a elaboração de uma proposta de projeto de lei para criação de uma política específica para o Terceiro Setor quanto à Lei Geral de Proteção de Dados/LGPD (LEI Nº 13.709/2018); que será de grande impacto em nossas instituições ainda tão carentes de processos de gestão estruturado.

  3. Treinar a equipe jurídica e técnica para orientar, treinar e acompanhar os colaboradores das APAEs sobre a Lei Geral de Proteção de Dados/LGPD (Lei nº 13.709/2018) e seus impactos nas APAEs. Essa lei impactará nas atividades de todas as empresas. As APAEs devem estar preparadas para proteger os dados das pessoas físicas com quem se relaciona (pais, alunos, professores, técnicos etc), devem conhecer e saber como evitar as sanções administrativas previstas na LGPD e ter um encarregado de Proteção de Dados (DPO/Data Protection Officer).

  4. Treinar e acompanhar a gestão e faturamento dos serviços de saúde (fonoaudiológico, médico, psicológico, odontológico, etc) pelas regras do SIA/SUS.  Com isso, pretende-se qualificar a informação em saúde, reforçar a importância da integração dos sistemas e orientar quanto às regras e críticas do SIA/SUS e demais sistemas, auxiliando o faturamento e as auditorias, TI e diretoria, através de relatórios gerenciais específicos para cada demanda.

  5. Estimular, auxiliar como fazer e treinar as APAEs a manterem um representante nas reuniões de todos os Conselhos Municipais.

 

D: NOVAS TECNOLOGIAS PARA REDE APAE: Troca de conhecimento e desenvolvimento de pesquisas.

 

  1. Promover a formação das pessoas envolvidas com a rede APAE, de forma a ser um importante espaço de desenvolvimento pessoal e profissional.

  2. Criar uma base corporativa que permita troca de experiência e aproveitamento de projetos entre as APAEs.

  3. Buscar conhecimentos que assegurem a atualização contínua da rede APAE, contribuir para intensificar o relacionamento das APAEs com a sociedade, instituições governamentais e não-governamentais e o mercado.

  4. Firmar parcerias e acordos de cooperação e intercâmbio técnico-científico com instituições de ensino e pesquisa (universidades, institutos e fundações), a exemplo do realizado em mandatos anteriores com a UNICAMP no Programa APAE Qualidade de Vida e Saúde.

 

E: FEAPAES E APAES: Um laço forte

 

  1. Manter um representante da FEAPAEs em todas as reuniões dos os Conselhos Estaduais.

  2. Incorporar tecnologias de reuniões de diretoria à distância permitindo uma gestão econômica, totalmente compartilhada e com decisões democráticas.

  3. Criar e otimizar a Sala de Soluções da FEAPAEs como um atendimento ágil, pontual e de baixo custo para FEAPAES como forma de trazer um retorno as APAEs no momento que ela precisa.

F: APAES: Novos horizontes

  1. Estimular e acompanhar a inclusão dos irmãos de pessoas com deficiência nas atividades APAEanas.

  2. Estimular o desenvolvimento de atendimentos de saúde alternativos.

 

 

As propostas acima são um norteador de início do nosso trabalho, acreditamos que o futuro está na compreensão das novas tecnologias, abolindo o tradicional modo de fazer e implementando uma gestão cada vez mais compartilhada e democrática. É a compreensão desta nova realidade e a imersão total neste mundo o que temos a oferecer; uma gestão participativa construída a várias mãos com todas as APAEs, Conselhos e famílias como nunca antes praticado.

Esse é o futuro, fazer sim; mas ouvir de quem entende e precisa, o que deseja receber.

SOBRE O PRESIDENTE (Currículo)

 

Marco Aurélio Ubiali, médico neurologista e neurocirugião

Marco Aurélio Ubiali, médico neurologista e neurocirugião, nasceu em Franca/SP, em 07/10/1949, filho primogênito entre os nove filhos de Antônio Ubiali e Teresinha das Neves Ubiali. Estudou no Grupo Escolar Barão da Franca, na escola Pestalozzi e no Instituto Estadual Torquato Caleiro/IETC; formou-se técnico em contabilidade e médico. Atuou como professor universitário da UNIFRAN no curso de Pedagogia e Fonoaudiologia, é escritor e empresário, diretor presidente da Villa Real Empreendimentos Imobiliários LTDA desde 2003.

Foi aprovado nos vestibulares de medicina da Universidade de Brasília/UNB e na Universidade Federal de Minas Gerais/UFMG, em Belo Horizonte, onde se formou médico em 1975. Durante o curso de medicina foi monitor de Anatomia Patológica e Técnica Cirúrgica. Fez Residência Médica no Serviço do Prof. Josaphat Vilela de Morais no Hospital João XXIII, no Hospital da Baleia e no Hospital Evangélico, todos em Belo Horizonte/MG. Aprovado na prova de título de especialista em Neurocirurgia da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia, possui também título de especialista em Neurologia e Neurocirurgia pelo Conselho Federal de Medicina. Realizou estágio de microcirurgia no Serviço do Prof. Mário Brock em Berlim, Hospital de Neurocirurgia, Universitätsklinikum Steglitz.

Em Franca, atuou na Santa Casa até a construção do Hospital São Joaquim/Hospital da Unimed, onde trabalha até hoje. Foi médico do Pronto Socorro Municipal e da APAE de Franca e mantém consultório ativo desde o ínicio de sua carreira.

Foi presidente da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Franca, por três mandatos, da Federação das APAEs do Estado de São Paulo por três mandatos e tesoureiro da Federação Nacional das APAEs por dois mandatos. Foi presidente do Conselho das Entidades Assistenciais de Franca, presidente do Conselho Municipal de Saúde de Franca, nomeado conselheiro do primeiro Conselho Municipal da Criança e do Adolescente de Franca e eleito membro do Conselho Estadual da Criança e do Adolescente do Estado de São Paulo. Foi também Secretario de Turismo do Estado de São Paulo e Deputado Federal por dois mandatos (2006-2014) e presidente da Frente Parlamentar em Defesa das APAEs.

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/5693017421726456

Formação acadêmica/titulação

 

1975 - 1978

Especialização - Residência médica.
Hospital Evangélico de Belo Horizonte, HEBH, Brasil. Residência médica em: Neurocirugia e Neurologia

 

1975 - 1978

Especialização - Residência médica.
Hospital da Baleia, FBG, Brasil. Residência médica em: Neurocirurgia pediátrica

 

1975 - 1978

Especialização - Residência médica.
Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais, FHEMIG, Brasil. Residência médica em: Neurotraumatologia
Bolsista do(a): Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais, FHEMIG, Brasil.

 

1981 - 1981

Aperfeiçoamento em Neue Techiniken in der Neurochirurgie. (Carga Horária: 160h).
Freie Universität Berlin, FUB, Alemanha.
Título: Mikroneurochirurgie. Ano de finalização: 1981.
Orientador: Mario Brock.
Bolsista do(a): Einladung des Senators für Gesundheit, Soziales und Famiilie Berlin, ESGSFB, Alemanha.

 

1973 - 1974

Aperfeiçoamento em Técnica cirúrgica e cirurgia experimental.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: Complicações peroperatórias e pós-operatórias imediatas da vagotomia, antrectomia mais gastroduodenostomia na pequena curvatura (VAGDPC). Ano de finalização: 1974.
Orientador: Alcino Lázaro da Silva.

 

1970 - 1975

Graduação em Medicina.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.

 

1966 - 1969

Curso técnico/profissionalizante em Técnico em Contabilidade.
Colégio Comercial Pestalozzi, CCP, Brasil.

Atuação Profissional

2018 - 2018

Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo, SECTUR, Brasil.

Secretário de Estado

2018 - Atual

Fundação Oncocentro do Estado de São Paulo, FOSP, Brasil.

Vice-presidente Cons Adm, Enquadramento Funcional: Conselheiro

2016 - 2018

Empresa Paulista de Planejamento Metropolitano, EMPLASA

Funcional: Conselheiro titular da SDECTI

2009 - 2014

Federação das Apaes do Estado de São Paulo, FEAPAES/SP, Brasil.

Presidente - Voluntário

1997 - 1998

Federação das Apaes do Estado de São Paulo, FEAPAES/SP, Brasil.

Presidente  - Voluntário

Câmara dos Deputados, CÂMARA FEDERAL, Brasil.

2006 - 2014

Cargo eletivo, Deputado Federal

  - 1o Vice-presidente da CEC

  - Vice-líder do PSB na Câmara dos Deputados

  - Presidente da CDEIC

 

2004-2008
Federação Nacional das APAES, FENAPAES, Brasil.

Tesoureiro - Voluntário

2003 - Atual

Villa Real Empreendimentos Imobiliários, VR, Brasil.

Sócio Proprietário

2002 - Atual

UNIMED de Franca, UNIMED, Brasil.

Médico Cooperado

1994 - 1996

Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais de Franca, APAE, Brasil.

Presidente - Voluntário

1990 - 1992

Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais de Franca, APAE, Brasil.

Presidente - Voluntário

1982 - 1983

Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais de Franca, APAE, Brasil.

Presidente - Voluntário

1989 - 2012

Universidade de Franca, UNIFRAN, Brasil.

Professor universitário

1986 - 1994

Industria de Confecções Rubor, RUBOR, Brasil.

Sócio Proprietário
 

Água de Cheiro de Franca, ÁGUA DE CHEIRO, Brasil.

Sócio Proprietário

1982 - 1995

Fundação Civil Casa de Misericórdia de Franca, FCCMF, Brasil.

- Chefe Depart. de Neurologia e Neurocirurgia

- Médico do corpo clínico

1980 - 1985

Enfermatel, ENFERMATEL, Brasil.

Sócio Proprietário
 

1979 - 2002

Hospital São Joaquim de Franca, HSJF, Brasil.

Sócio Proprietário

1979 - 1994

BIP Comunicações Urgentes, BIP, Brasil.

Sócio Proprietário
 

1978 - 1982

Prefeitura Municipal de Franca, PMF, Brasil.

Médico
 

1978 - Atual

Consultório médico, CONSULTÓRIO, Brasil.Médico
 

1976 - 1978

Instituto Nacional da Previdência Social, INPS, Brasil.

Médico Credenciado
 

1974 - 1975

Hospital Samaritano - Casa de Saúde e Maternidade, HS-CSM, Brasil.

Vínculo institucional

Bolsista
 

1973 - 1975

Clínica Santa Inês, CSI, Brasil.

Bolsista
 

1972 - 1974

Santa Casa de Misericórdia de Belo Horizonte, CLÍNICA MULHERES, Brasil.

Estagiário


 

Membro de comitê de assessoramento

2008 - 2014

Federação Nacional das APAEs

1997 - 1998

Federação Nacional das APAEs

2007 - Atual

Partido Socialista Brasileiro

2000 - 2006

Partido Socialista Brasileiro

2000 - 2002

Fundação Espírita Allan Kardec

1999 - Atual

Federação das APAEs do Estado de São Paulo

1998 - 1999

Conselho das Entidades Assistenciais de Franca

1994 - 1997

Prefeitura Municipal da cidade de Franca

1979 - 1980

Prefeitura Municipal da cidade de Franca

1990 - 1994

Fundação Civil Casa de Misericórdia de Franca

1982 - 1984

Fundação Civil Casa de Misericórdia de Franca

Prêmios e títulos

2017

Membro Titular do Conselho Curador, Fundação Oncocentro de São Paulo (FOSP).

2017

Prêmio Eduardo Campos de Inovação Tecnológica, Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

2014

Comenda Medalha Melvin Jones, Lions Clube do Brasil.

2014

Moção de Aplauso, Câmara Municipal de Franca.

2014

Cidadão Honorário de Guaíra, Câmara Municipal.

2014

Cidadão Honorário de Miguelópolis, Câmara Municipal.

2011

Grau de Grande-Oficial do Corpo de Graduados Especiais da Ordem do Mérito Aeronáutico, Ministério da Defesa Comando da Aeronáutica.

2011

Honra ao Benemérito pelo apoio à causa da inclusão social, acessibilidade cidadania do deficiente auditivo, Associação dos Pais e Amigos dos Deficientes Auditivos de Franca - APADA.

2010

Amigo Especial, APAE Patrocínio Paulista.

2010

Cidadão Honorário de São José da Bela Vista, Câmara Municipal.

2009

11º parlamentar mais atuante, ONG Transparência Brasil.

2007

Medalha Mérito Santos-Dumont, Ministério da Defesa Comando da Aeronáutica.

2003

Membro titular da Sociedade de Neurocirurgia do Estado de São Paulo, Sociedade de Neurocirurgia do Estado de São Paulo.

2003

Sócio Honorário da UNIMED de Franca, Associação dos Funcionários da Unimed de Franca - AFUF.

2000

Comenda Colar Grã Cruz de Honra ao Mérito da Saúde Prof. Dr. Osvaldo Cruz, Sociedade Cívica Cultural Brasileira.

2000

Membro Titular da Sociedade Brasileira de Cefaleia, Sociedade Brasileira de Cefaleia.

1996

Comenda Colar Grã Cruz de Honra ao Mérito da Saúde, Sociedade Cívica Cultural Brasileira.

1996

Medalha de Honra ao Mérito Professor Dr. Albert Sabin, Sociedade Cívica Cultural Brasileira.

1985

Título de Especialista em Neurocirurgia, Sociedade Brasileira de Neurocirurgia.

1985

Membro Titular da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia, Sociedade Brasileira de Neurocirurgia.

1984

Título de Especialista em Neurocirurgia pelo CFM - livro 6, fls 219 sob o no. 1469 do CRM-MG, Conselho Federal de Medicina.

1984

Título de Especialista em Neurologia pelo CFM - livro 6, fls 218 sob o no. 1468 do CRM-MG, Conselho Federal de Medicina.

1978

Membro efetivo do Departamento de Neurologia e Neurocirurgia de Associação Médica de MInas Gerais, Associação Médica de MInas Gerais.

1978

Título vitalício de Presidente Honorário da APAE de Franca, Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Franca - APAE de Franca.

1976

Aprovação no concurso do DASP na especialidade Neurologia - DOU Seção I Parte I (Suplemento) setembro de 1976, pág 151., DASP.

1970

Aprovação no vestibular para Medicina da Universidade Nacional de Brasília, Universidade Nacional de Brasília.

1970

Aprovação no vestibular de Medicina da Universidade Federal de MInas Gerais - BH, Universidade Federal de MInas Gerais.

  • Facebook - Dr. Ubiali
  • Doctoralia Dr. Ubiali
  • Pin Ubiali_edited
  • Lattes - Dr. Ubiali
  • Whatsapp - Dr. Ubiali
Telefone
(16) 3720-2018
(16) 99986-2018
Whatsapp
LOCALIZACAO

Rua Demar Tozzi, 340

São Joaquim

Franca/SP, 14.406-358

Horário de Funcionamento:

Seg - Sex: 08:00 - 17:00

CONTATO